terça-feira, 25 de novembro de 2008

ORAÇÃO

Hoje estou aqui para pedir uma corrente de oração, de pensamentos positivos para todas as pessoas atingidas pelas chuvas em Santa Catarina.


Realmente é uma catástrofe, só quem está aqui para ver a dimensão dos estragos.


Blumenau, uma cidade maravilhosa perdida entre lama, entulhos, pedras, barro...


O povo é maravilhoso e sei que reconstruiremos tudo, somos muito solidários e Deus está sempre presente.






CONFIANÇA



Alma querida, não temas.
Que a fé não se te degrade
Ao romper da tempestade,
Qual maremoto a rugir;
Muita vez, o sofrimento
É o campo alto e fecundo,
Que impele as forças do mundo
À elevação no porvir.
Nas mínimas formações
Que alteram a natureza,
A dor é uma luz acesa
No apoio da evolução.
Olha a semente no solo,
Depois de enterrada viva,
Mais a luta se lhe ativa
Na própria germinação.
O mármore vigoroso
Nunca dsvenda a obra-prima,
Que lhe atrai a humana estima
Sem o buril do escultor...
Fugindo à inércia do charco,
A fonte que desabrocha
Vence areia, pedra e rocha
E cria glebas em flor.
Reflete: o minério bruto,
Arrancado ao ninho morno,
Tomba aos martírios do forno
Para de novo se erguer;
É peça nas oficinas,
No ar, na terra, nos mares,
Nas máquinas que anotares
Do progresso a resplender.
Se o mal, por vezes, parece
Dragão de sombras à vista,
Na guerra que te contrista,
Pensa na dor por mais luz...
Sobre os domínios do mundo,
Nas lutas de todo plano,
Em qualquer conflito humano,
O vencedor é Jesus.



Maria Dolores
Livro: Tesouro De Alegria
Psicografia de: Francisco C. Xavier - Autores Diversos






Pai Nosso, Que Estás nos Céus



Quando Jesus começou a prece dominical, satisfazendo ao pedido dos companheiros que desejavam aprender a orar, iniciou a rogativa, dizendo assim:
- Pai Nosso, que estás nos céus...
O Mestre queria dizer-nos que Deus, acima de tudo, é nosso Pai.
Criador dos homens, das estrelas e das flores.
Senhor dos céus e da Terra.
Para Ele, todos somos filhos abençoados.
Com essa afirmativa, Jesus igualmente nos explicou que somos no mundo uma só família e que, por isso, todos somos irmãos, com o dever de ajudar-nos uns aos outros.
Ele próprio, a fim de instruir-nos, viveu a fraternidade pura, auxiliando os homens felizes e infelizes, os necessitados e doentes, mostrando-nos o verdadeiro caminho da perfeição e da paz.
Na condição de aprendizes do nosso Divino Mestre, devemos seguir-lhe o exemplo.
Se sentirmos Deus como Nosso Pai, reconheceremos que os nossos irmãos se encontram em toda parte e estaremos dispostos a ajudá-los, a fim de sermos ajudados, mais cedo ou mais tarde. A vida só será realmente bela e gloriosa, na Terra, quando pudermos aceitar por nossa grande família a Humanidade inteira.



Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Pai Nosso. Ditado pelo Espírito Meimei. 19 edição. Rio de Janeiro, RJ: FEB. 1999.

2 comentários:

Janaina Pedrosa disse...

Tânia, receba minha solidariedade pelo fato tão trágico ocorrido com vocês dessa linda cidade. Não temas, se Deus permitiu o ocorrido ele com certeza dará condições para que vocês possam se reerguer. Confie nele, pois ele é o nosso pai. Nunca deixe de confiar. Abraços, Nina!

Nani disse...

Oi Tânia.

"Embora ninguém possa voltar atrás
e fazer um novo começo,qualquer um pode agora começar e fazer um novo
fim."
Chico Chavier

Que Deus de a força necessária para que cada pessoa dessa nossa linda cidade possa começar agora...

Beijos
Nani